Primeiros passos

Não resisti e fui conferir a nova moda do momento: o slackline. Estou afastada dos esportes de aventura há um bom tempo, e pensei que dar os primeiros passos na “corda bamba” seria uma boa maneira de reacender a adrenalina nas minhas veias. Levei o namorado para o desafio junto comigo, prometendo uma boa diversão para o sábado.

O local não podia ser mais inspirador: o Parque Vale Verde, em Betim. Neste mês de férias, o local está oferecendo a atividade para seus visitantes e nada melhor que uma equipe bem preparada para assumir a tarefa.

A paisagem é deslumbrante! E lá, com num lindo dia de sol, num gramado verdinho, entre volumosas palmeiras, encontrei o meu foco. Duas fitas alaranjadas esticadinhas à minha espera. Parecia fácil… Só parecia.

Em minha primeira tentativa, mal subi na fita! Como parar em pé em cima daquilo, gente?!? Precisei de um “apoio moral” do instrutor para conseguir subir de novo e tentar dar o primeiro passo. Com algumas boas dicas, tentei outras vezes. E fiquei nessa brincadeira por um tempinho… E o suor já estava descendo!

É impressionante como fiquei instigada a tentar, tentar e tentar até conseguir melhorar o equilíbrio e dar alguns passos. Neste meio tempo, chegaram crianças e seus pais que também toparam o desafio. Virou uma festa!
Lá fiquei por um bom tempo, até que já subia sozinha, me concentrava e conseguia dar mais alguns passos. Até que o corpo todo já pedia arrego! Você vai brincando, brincando e nem percebe o esforço físico que está fazendo. É muito bom!
E saí de lá já planejando comprar um equipamento e virar a mais nova adepta do slackline em BH.

Lílian Miranda é jornalista, aventureira “aposentada” e curiosa de plantão!